O presidente norte-americano, Donald Trump, determinou o congelamento de todos os bens do governo venezuelano nos Estados Unidos, segundo uma ordem executiva

assinada na noite desta 2ª feira (5.ago.2019) e obtida pelo Wall Street Journal (disponível aqui só para assinantes). Segundo o veículo, a medida impõe embargo econômico total contra o governo de Nicolás Maduro.
O ato de Trump também proíbe transações de empresas ou indivíduos com a Venezuela. Quem fizer negócios com o regime venezuelano estará sujeito a sanções. É a 1ª ação desse tipo contra 1 governo do Hemisfério Ocidental em mais de 30 anos. Segundo o jornal, a medida coloca o país de Maduro na mesma situação de Coreia do Norte, Irã, Síria e Cuba – únicas nações que estão sujeitas atualmente a medidas rigorosas de Washington.

”Todas as propriedades e interesses em propriedade do governo da Venezuela que estão nos Estados Unidos (…) estão bloqueados e não podem ser transferidos, pagos, exportados, retirados ou de outra forma negociados”, diz a ordem assinada pelo republicano.

 

Poder360