Existem muitas dúvidas sobre como se deve usar e o que pode ser verdade ou não em relação ao incenso, não é mesmo? Pensando em esclarecer alguns pontos,

  selecionamos os mitos e verdades sobre incensos e um passo a passo para utilizá-los de forma que traga bons fluídos e energias para o ambiente. Afinal, viver mais equilibrado e com paz no coração é o objetivo de muitas pessoas! 

Veja os mitos e verdades sobre incensos

Incenso faz mal à saúde?

Mito! Os incensos são extraídos da natureza e não possuem produtos químicos e tóxicos, para isso é importante que se atente ao rótulo da embalagem. Certifique que em sua composição não tenha produtos derivados do petróleo e, principalmente, que haja apenas formulações naturais, de preferência orgânica.

Incenso tem finalidade medicinal?

Verdade. Os incensos 100% naturais, como explicamos acima, são advindos da natureza, ou seja, de plantas, ervas e óleos essenciais. Além do aroma, eles auxiliam no tratamento terapêutico e podem ser usados como um complemento da medicina tradicional. Especialmente para distúrbios mentais, como depressão e ansiedade. Interessante, não é mesmo?

Pode ser utilizado por qualquer pessoa ?

Mito. Os incensos não são recomendados para bebês e pessoas que estão em tratamento homeopático, isso porque os aromas podem atrapalhar no processo de medicação. Tirando isso, independente de qualquer religião ou crença, qualquer um pode usar incenso em casa ou no trabalho. Existem pessoas que gostam de sentir o cheiro dos incensos e os utilizam apenas para aromatizar o ambiente. É só escolher o aroma que você mais gostar!

Faça um pedido para o incenso trazer boas vibrações!

Não existe complicações, é algo simples! Entretanto, apenas o ato de acender o incenso pode não proporcionar as vibrações que você deseja para o ambiente. Se o seu objetivo é trazer energias positivas e harmonizar o local, antes de acender, faça um pedido! Lembre-se que, tudo que desejamos, pode ser realmente atraído para si mesmo. Por isso, pense sempre em fazer e desejar o bem.

O que achou destes mitos e verdades sobre incensos? Comente se tiver alguma dúvida!

João Bidu